O sol da tarde

O sol da tarde é o exercício da transformação. Mergulhar nas entranhas de fatos traumáticos, afundar… Reconhecer em si as próprias fraquezas, compreender dores, aceitar perdas, romper amarras: aqui, luto é libertação. Neste processo poético de conciliação, nascem asas – caminho que leva de volta à luz.

Adriana Aneli

Anúncios

Impressões

…eu pretendi derramar-me em textos que possam contribuir para tornar o mundo um lugar mais delicado e sensível e, de certa forma, mostrar que podemos renascer todos os dias na/pela palavra.

Cintia Araújo

Cadeados abertos

Com Cadeados Abertos pretendo romper o lacre dos cadeados e ir além da liberdade concedida. Quebrar as correntes que nos prendem quando entre segredos de linhas desenhamos o real. Pretendo mostrar que o possível é apenas um vão entre o que me dizem: não pode!

Enfim, que o voo seja voo e a vontade respeitada…

Mariana Gouveia

lua de papel (livro um)

Lua de papel sou eu… é você e toda mulher que se olha no espelho… e busca se encaixar no reflexo que ali se desenha. Você pode ser a menina do interior, que quer fugir do destino traçado no exato instante de seu nascimento. Ou a menina da cidade grande, que nada sabe de destino, mapas e só faz ir em frente.
Não importa em quem você irá se ver refletir, pois o fio condutor dessa trama é um mesmo elemento: o desejo de Ser…

Lunna Guedes 

O lado de dentro

Sabe aquela pele que arrepia e que toca a alma?

Sabe aquele gesto que faz com que você pare, suspire e inspire?

Sabe qual é a maior pretensão do lado de dentro?

Emocionar.

 

Mariana Gouveia

Gota a Gota

 

Gota a Gota pretende levar você ao caminho das águas distantes e profundas da poesia. Cada poema uma inspiração. Cada ilustração uma nova viagem. Tudo para que você construa seu próprio barquinho e deixe que os ventos o levem por amares até então desconhecidos. Mas muito cuidado: gotas que se juntam também podem transbordar. Você poderá se identificar e se perder pelas marolas da fantasia. No meio do caminho, entretanto, poderá colidir com embarcações que enfrentam ondas, descobrir novos afluentes e canais venosos do coração; ora de amarguras, ora de ternuras.  Gota a Gota quer se emocionar com você e tirá-lo do cais da secura, transformar sua sede de sentidos em gotas de aventura. Lê-lo será arriscar novas rotas de arrepio. Mas viajar não é preciso?

Chris Herrmann

Detalhes Intimistas

Costurar e recosturar as linhas de ‘Detalhes Intimistas’ surgiu como uma possibilidade de repaginar o conceito da autora diante do universo literário. Desconstruir a ideia de que a escrita se dá como algo pronto: ela é sempre inacabada, e requer um incansável trabalho para que se torne significativa aos olhos do leitor. Esse livro vem, justamente, como um cenário que permite ao leitor reinventar os passos, oferecendo — quem sabe — outro tom à melodia escolhida para embalar seus movimentos. Detalhes já conhecidos, agora mais íntimos…

Tatiana Kielberman

A Construção da Primavera

A construção da primavera é um resgate da lírica helenística — a poesia de Safo e as canções de Bilitis — em que os elementos da natureza, do clima e da passagem do tempo marcam a psiquê da personagem. Alegria, melancolia, exaltação, recolhimento são as quatro estações e seu recomeço.

Adriana Aneli

amor expresso

 

Amor expresso pretende libertar risos ou gritos guardados na garganta. São histórias feitas por e para personagens anônimos que acordam perplexos para as banalidades boas e más que nos ocorrem a cada dia, toda manhã, após uma xícara de café.

Adriana aneli

Blog no WordPress.com.

Acima ↑