REALidade

“Caminhante confuso que sou, estou a chegar em andrajos e passos incertos. Vindo de outro tempo e lugar, estou vestido de parcas palavras, reunidas cada paragem. Chego atrasado, mas na hora. O único desejo que carrego é que me desnudem”…

Obdulio Nuñes Ortega

Blog no WordPress.com.

Acima ↑